0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Marca de cosméticos de Kylie Jenner recebe avaliação negativa nos EUA

Alvo de reclamações de clientes, empresa da modelo entrou na mira de organização americana de proteção ao consumidor por problemas na entrega e qualidade dos produtos

Mesmo prometendo melhoras em seu serviço, a marca de cosméticos de Kylie Jenner continua a receber reclamações de seus clientes.


Badalada no mercado de maquiagens, a recém-lançada marca de cosméticos de Kylie Jenner parece não estar agradando muito seus clientes. Pelo menos foi o que constatou a Better Business Bureau, organização americana sem fins lucrativos focada na proteção do consumidor

Em uma recente avaliação da BBB, a Kylie Cosmetics recebeu nota F por conta do acúmulo de reclamações feitas por compradores da marca desde que ela começou a operar nos Estados Unidos, no final de 2015. 

Além do mau funcionamento do serviço ao consumidor, a insatisfação com alguns produtos e inúmeros problemas na entrega das compras foram os responsáveis pela baixa pontuação recebida pela empresa da modelo.

De acordo com a BBB, a marca de Kylie Jenner já havia sido sinalizada sobre as reclamações dos clientes que receberam entregas danificadas ou com apenas parte do conteúdo da compra - alguns sequer receberam os produtos. Porém, após prometer melhoras no serviço, a empresa continuou a pisar na bola.

Mesmo com os problemas, a Kylie Cosmetics se tornou um verdadeiro fenômeno de vendas na web. Lançada globalmente neste ano, a marca é conhecida por vender kits de produtos para os lábios, que esgotam em questão de minutos a cada reposição de estoque. 

A relação de cosméticos vendidos pela empresa inclui batons líquidos em tons metálicos, matte e gloss, e também alguns lápis de contorno. Além disso, segundo a marca, nenhum produto é testado em animais.

Copyright foto: Richard Shotwell/AP/SIPA

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Marca de cosméticos de Kylie Jenner recebe avaliação negativa nos EUA', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo