0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Emma Watson adere à campanha contra estupro nas redes sociais

Após o estupro coletivo sofrido por uma garota de 16 anos no Rio de Janeiro, mobilização nas redes sociais ganhou repercussão internacional

Emma Watson: sempreengajada em assuntos de sustentabilidade e pelo feminismo.


A atriz Emma Watson, conhecida por sua atuação na franquia Harry Potter, se manifestou por meio do Twitter a respeito do estupro coletivo sofrido por uma menina de apenas 16 anos no Rio de Janeiro. Ela utilizou a hashtag #EstuproNãoÉCulpaDaVítima, que vem ganhando cada vez mais repercussão nas redes sociais para discutir a cultura do estupro e a associação da culpa à vítima da violência

Emma Watson sempre se mostrou ligada ao feminismo e igualdade de gêneros. Tanto, que hoje a atriz é embaixadora da ONU pelos direitos das mulheres. Este engajamento levou a atriz inclusive a afirmar recentemente, em entrevista à Paper Magazine, que faria uma pausa na carreira para se dedicar aos estudos do feminismo.

Em setembro de 2014 a atriz gerou um buzz surpreendente com o seu discurso que lançou a campanha #HeForShe, no qual Emma convidava os homens a desconstruírem o seu próprio machismo, dando assim mais espaço às mulheres nos mais diversos círculos sociais.


Celebridades nacionais também já haviam mostrado solidariedade à garota violentada na capital carioca, publicando imagens e textos nas redes sociais denunciando o machismo. Entre elas, estão Camila Pitanga, Carolina Dieckmann, Taís Araújo, Fernanda Paes Leme, Sophie Charlotte, Maria Ribeiro e Cleo Pires.

Fernanda Vasconcelos fez um depoimento emocionado, enfatizando que a culpa do estupro é dos agressores e não da vítima“Eu tiraria todos – um por um – de cima de você neste momento, limparia seu corpo, tiraria o som dos seus ouvidos, o cheiro deste lugar, as lembranças. Eu te levantaria daí e te levaria para ver o pôr do Sol no Arpoador, se o mundo girasse ao contrário. Mas o mundo não gira”, declarou. 

Copyright foto: SIPANY/SIPA

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Emma Watson adere à campanha contra estupro nas redes sociais', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo