0
Obrigado

Cindy Crawford produzirá série de TV sobre top models dos anos 80

Ícone da década de 90, a famosa modelo americana vai desenvolver um projeto inédito para contar os bastidores do mundo fashion em enredo fictício

Cindy Crawford: a top investe na carreira de produtora de TV em nova série sobre os bastidores do mundo fashion da década de 80.


Não há quem tenha vivido os anos 90 sem se lembrar da charmosa pinta, no lado superior esquerdo dos lábios, que tanto fez a fama de Cindy Crawford, a supermodelo e ícone das passarelas na época. Dos desfiles e ensaios fotográficos para os bastidores de TV, a top agora vai desenvolver uma série para a rede de televisão americana NBC.

Ainda em fase inicial de desenvolvimento, o novo programa, cujo título provisório é Icon (que significa "ícone", em português), marcará a estreia de Crawford como produtora de TV. Junto com ela, também estarão na produção executiva Anne Heche e James Tupper, além de Robin Bissell, de Jogos Vorazes.

+Lady Gaga e Naomi Campbell serão rivais em American Horror Story


De acordo com o site Variety, a série vai se inspirar no mundo da moda da década de 1980, com roteiro baseado nas "guerras" travadas entre as grandes agências Ford Models e Elite

O enredo será uma obra de ficção e não vai contar a própria experiência de Cindy Crawford. Também não serão citados nomes verdadeiros de modelos ou outros profissionais do mundo da moda na época. E antes que alguém pergunte, a modelo não fará parte do elenco da série e nem fará participação especial como personagem.

Cindy Crawford alcançou o estrelato internacional nos anos 90, considerado o auge das supermodels, ao lado de Naomi Campbell, Linda Evangelista, Claudia Shiffer, Christie Brinkley, Brooke Shields, Elle Macpherson e Christy Turlington, entre outras.

Copyright foto: Rafiq Maqbool/AP/SIPA
Este documento, intitulado 'Cindy Crawford produzirá série de TV sobre top models dos anos 80', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.