3
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Depilação com cera: evite 5 erros comuns ao se depilar sozinha

Especialista afirma que o manuseio da cera quente requer muito cuidado e dá conselhos importantes para quem quer se depilar em casa

Deixar a cera muito tempo na pele podem causar queimaduras.


Apesar de doloroso, parece prático (e mais barato) fazer depilação com cera em casa. Mas errar na temperatura, no tempo em que ela fica na pele ou puxar o papel de forma errada pode transformar uma simples depilação em um grande pesadelo.

A depiladora Lili de Souza, da clínica de estética Claudia Miranda, faz ressalvas quanto o uso da cera, sobretudo a caseira, e destaca 5 erros cometidos aos tentar se depilar sozinha. Segundo a especialista, ceras feitas em casa podem causar alergias e até lesões mais sérias na pele. "Devido ao alto índice de queimaduras, essas ceras não são indicadas", adianta ela sobre as ceras à base de água, limão e açúcar.

Alguns conselhos importantes para se depilar em casa

Para aquelas que arriscam se depilar sozinhas, Lili adianta que é preciso muito cuidado e coragem. "A pessoa precisa saber as técnicas e após passar a cera, deve-se puxá-la logo", explica ela que está acostumada com o medo das clientes.

Não existe uma fórmula mágica para evitar a dor, mas de acordo com a depiladora, o aconselhável é não esperar muito tempo (de 20 dias a um mês) até se depilar novamente, nem fazê-la no período menstrual. Produtos à base de calêndula e camomila acalmam a pele, mas cada pessoa pode reagir de uma forma.

A cera quente é menos dolorosa, pois abre os poros e facilita a retirada dos pelos. Porém é mais perigosa que a fria. A especialista indica métodos mais seguros. "Se quer se depilar em casa, ou procure uma profissional especializada ou opte por um aparelho elétrico de depilação, é mais garantido", afirma.

5 erros comuns ao usar depilação caseira

Hidratar a pele antes e depois da depilação
Segundo a especialista, o hidratante amolece os pelos, que ficam de difícil remoção ao serem puxados. Após a depilação com cera quente ou fria, usar um hidratante pode causar inflamação dos folículos, também conhecida como foliculite.

A dica é esfoliar a pele para deixar os pelos mais finos à espera da cera. Ao usar um sabonete ou creme esfoliante uma vez por semana, a pele fica mais bem preparada para a depilação, facilitando a remoção rápida dos pelos.

O uso excessivo do limão

O limão é um dos ingredientes da cera caseira. Porém, se não utilizado corretamente, ele pode queimar e até manchar a pele. Como a fruta é ácida, é importante saber a quantidade usada e o tempo que deve ficar na pele até a remoção. Na dúvida, o melhor é comprar uma cera depilatória.

Não testar o produto a ser usado

É muito comum ver mulheres com crises alérgicas na pele após a depilação com cera. O produto pode conter alguma substância que cause alergia, por isso é muito importante testá-lo no antebraço antes de usar.

Respeitar o tempo do produto na pele

Engano de muitas mulheres, deixar a cera na pele por mais tempo não facilita a remoção dos pelos nem diminui o intervalo até a próxima depilação. Respeitar o tempo é garantir uma pele sem manchas e queimaduras.

Esperar os pelos crescerem bastante

É mito achar que pelos maiores saem com mais facilidade, ao contrário. Se estiverem muito grandes a cera pode não puxar o fio por inteiro nem remover todo o pelo.

Copyright foto: istock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Depilação com cera: evite 5 erros comuns ao se depilar sozinha', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo