5
Obrigado

Dieta do ovo: comer o alimento todos os dias é saudável

Rico em proteínas e com baixas quantidades de gordura ruim, o ovo não é mais o vilão da dieta saudável e pode ser consumido diariamente

Dieta do ovo prova que alimento é saudável.


O ovo é um dos alimentos mais tradicionais na mesa dos brasileiros. Versátil, ele pode ser uma opção saudável para quem busca uma alimentação balanceada, ou servir como ingrediente para bolos, tortas, pães e uma infinidade de receitas.  Segundo Sandra Wages, nutricionista da Granja Mantiqueira, estudos científicos já mostraram que o hábito de comer ovos todos os dias é saudável. 

O alimento possui apenas 37,4% de gorduras ruins. Os outros 46% são gorduras monoinsaturadas, que estão presentes, por exemplo, no azeite de oliva, além de ter a poli-insaturada, que contém o ômega 3 e 6.

Além disso, o ovo é um alimento muito nutritivo e com alto poder de saciedade. “Os ovos contêm proteínas de melhor qualidade depois do leite materno. Além de treze de quatorze vitaminas e minerais, antioxidantes e colina”, explica a nutricionista. 

Os nutrientes são bem mais preservados se o ovo for cozido em água, de 5 a 10 minutos. "Mas todas as formas de cozimento são saudáveis", esclarece Sandra. Ainda segundo a especialista, ao contrário de muitos outros alimentos, o ovo tem alta densidade nutricional, por isso, é pouco provável que ele desequilibre uma dieta. 

Ovo aumenta o colesterol?


Embora o ovo já tenha sido apontado como um dos alimentos que devem ser riscados do cardápio de quem tem o colesterol elevado, uma série de estudos científicos mostram que essa informação é falsa. Segundo pesquisas,  o ovo contém uma substância chamada fosfolipídeo (ou lecitina), responsável por interferir na absorção do colesterol. 

Ou seja, o ovo acaba sendo um antídoto natural para evitar que os níveis de gordura ruim no sangue se elevem,  e não o contrário. Além disso, a gema, local onde se concentra o colesterol no ovo, também abriga a maioria dos nutrientes, como as vitaminas e os sais minerais. Outro importante estudo também mostrou que consumir ovo aumenta a quantidade de HDL (colesterol bom).

Entretanto, um ovo contém 213 miligramas (mg) de colesterol, ou seja, quase o total da ingestão diária recomendada pela Associação Americana do Coração, que é de 300 mg. A questão é que nem todo colesterol ingerido tem como destino certo o entupimento das artérias, pois a substância também participa de funções importantes no organismo, como formação de hormônios. 

Mas é importante ficar alerta ao seguir a dieta do ovo – como em todas as dietas que se concentram em determinado alimento – para não ultrapassar as necessidades pessoais de qualquer nutriente. No caso do ovo, é possível exceder as necessidade de proteínas e de gordura, por isso, vale a moderação!

Ovo caipira X ovo de granja (branco)

A maior diferença entre o ovo caipira e o ovo branco está na qualidade de vida da galinha, que vai interferir nos ovos que ela produz, no sabor, na cor, na textura, etc. Na versão caipira, o ovo é mais saboroso, além de possuir uma concentração de betacaroteno pelo menos cinco vezes maior do que no ovo branco. 

O betacaroteno é importante por que é convertido em vitamina A, que, entre outras coisas, fortalece o sistema imunológicoSe for orgânico e caipira, melhor ainda. Isto por que nesta forma as galinhas são criadas ao ar livre, de forma natural e longe de alimentos transgênicos e hormônios, bem diferente do ovos de granja, produzidos em escala industrial.

Dieta do ovo

Confira abaixo um cardápio de três dias preparado pela nutricionista, no qual o ovo é a estrela principal:

Dia 1 

Café da manhã

01 ovo cozido
01 xícara de abacaxi picado
01 xícara de chá ou café sem açúcar

Lanche da manhã

01 xícara de pipoca preparada na panela
02 azeitonas
03 copos d'água

Almoço

Salada de tomate com vinagrete
1/2 copo de arroz
1/2 copo de lentilhas
01 ovo

Lanche da tarde

01 tangerina
03 copos d'água

Jantar

01 xícara de caldo de carne com 30g de macarrão
01 ovo
1/2 copo de verduras

Dia 2 

Café da manhã

01 ovo cozido
01 fatia de pão integral
01 xícara de chá ou café sem açúcar

Lanche da manhã

01 maçã
06 amêndoas
03 copos d'água

Almoço

Salada de alface, pepino e aipo com vinagrete
01 milho
02 ovos

Lanche da tarde

01 pêssego
03 copos d'água

Jantar

01 omelete de ovo com 04 cogumelos grandes
01 torrada integral

Dia 3 

Café da manhã

01 ovo cozido
01 xícara de mamão picado
01 xícara de chá ou café sem açúcar

Lanche da manhã

02 tangerinas
12 amendoins
03 copos d'água

Almoço

Salada de espinafre e cebola com vinagrete
1/2 copo de arroz
1/2 copo de feijão
01 ovo

Lanche da tarde

01 ameixa
03 copos d'água

Jantar

01 omelete de batata-doce (01 ovo e 01 batata)
Salada de alface, aipo, pepino, pimenta e vinagrete

Copyright foto: iStock
Este documento, intitulado 'Dieta do ovo: comer o alimento todos os dias é saudável', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.