Vigilantes do Peso

Saiba tudo sobre os vigilantes do peso: história, duração do regime, vantagens e desvantagens

Os vigilantes do peso são um programa de apoio para quem quer emagrecer.

Fácil e equilibrado, o Vigilantes do Peso é um dos regimes mais procurados. Ele funciona com um sistema de pontuação e cada alimento ou bebida possui um valor. De acordo com a estatura da pessoa e o número de quilos a perder, ela tem direito a um terminado número de pontos por dia. Este programa é acompanhado de reuniões semanais com outras pessoas que desejam emagrecer. Na programação: conselhos, trocas e verificação do peso. E para quem não pode ir às reuniões, existe um kit  disponível no site contendo as informações e o material necessários para seguir o regime em casa. No entanto, esta dieta não é fácil de conciliar com uma vida familiar e profissional.

Categoria: regime para emagrecer

Duração: tanto tempo quanto for preciso para reequilibrar a alimentação  e alcançar o peso desejado.

História: o Vigilantes do Peso foi criado por uma americana que não conseguira emagrecer apesar das dietas e do acompanhamento numa clínica de emagrecimento. Ela teve então a ideia de entrar em contato com algumas amigas e de lhes propor emagrecer juntas.

Na prática: de acordo com a fórmula escolhida, troca de informações e de conselhos ao longo das reuniões de grupo. Para quem não pode seguir o programa, existe também um serviço de consultoria individual com uma conselheira, bem como a possibilidade de receber o programa por correspondência e até mesmo o agendamento de reuniões no local de trabalho.

Vantagens: trata-se de um regime equilibrado que estabelece metas alimentares. É necessário se aderir ao programa.

Inconvenientes: dieta de vigilância permanente.


Copyright foto: Istock
Este documento, intitulado 'Vigilantes do Peso', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.