0
Obrigado

Por dentro dos tratamentos noturnos

Cuidados para a pele e os cabelos... Os produtos de beleza para uso noturno se multiplicam no mercado de cosméticos. Confira os conselhos de nossos especialistas.

Conheça as especificidades dos tratamentos noturnos.

Os cuidados para o corpo, o rosto e os cabelos se declinam em tratamentos noturnos.Como explicar seu crescimento?
As necessidades da pele são sensivelmente diferentes de dia ou à noite: se ela precisa de proteção contra as agressões do dia (UV, poluição, radicais livres, desidratação), à noite, em contrapartida, ela necessita de estímulo no seu processo de regeneração. Os produtos cosméticos próprios para a noite têm por objetivo básico, portanto, devolver à pele e aos cabelos os elementos de que precisam para se reconstituir.  

Quais as diferenças em relação aos cuidados para o dia?
Eles são em geral mais concentrados e, portanto, mais oleosos: uma das vantagens de se usar produtos para a noite é que eles são invisíveis, ou seja, não servem como base para maquiagem e também não é preciso limpar q pele para retirar o produto. Pode-se, portanto, reforçar a concentração de ácidos graxos ainda que isso torne o produto menos fluido.

O que acontece com a pele durante a noite?
A pele se regenera durante a noite, reconstituindo em particular sua barreira cutânea. As divisões celulares ocorrem particularmente durante a noite a fim de recompor em especial o estrato córneo (a camada externa da pele). Os produtos “noturnos” dão a estas camadas superficiais da pele os elementos necessários à renovação celular, à proteção das células e à reconstituição do filme hidrolipídico.

Para que sejam eficazes, quais os componentes que é preciso achar necessariamente nos produtos de uso noturno?
Tudo depende das necessidades da pele e dos cabelos. O ideal ainda é pedir a opinião do dermatologista a fim de seguir o tratamento mais adaptado ao seu tipo de pele ou à sua natureza de cabelos. Por exemplo, no que diz respeito aos produtos antiidade, quem tem entre 30 e 45 anos, opta frequentemente pela vitamina C e os ácidos de frutas, a fim de livrar a pele das suas impurezas, ao passo que, depois dos 45 anos, se tenta em geral compensar o envelhecimento e o adelgamento da pele escolhendo uma fórmula mais rica e emoliente. Para estas pessoas, também se pode, inversamente, recomendar a aplicação de produtos abrasivos (retinoides, ácidos de frutas...) que esfoliam a pele para lutar contra o envelhecimento cutâneo ou a pele oleosa.

É indispensável adotar produtos de uso noturno? 
Em matéria de cosmetologia, nada é obrigatório e, da mesma forma que não se deve ceder ao intenso marketing do segmento, é preciso fazer prova de pragmatismo: os cosméticos são interessantes na medida em que respondem a uma necessidade. Se um produto costumeiro usado uma ou duas vezes ao dia já não basta para melhorar o estado da sua pele ou os seus cabelos danificados, então por que não experimentar um tratamento específico para a noite?

Copyright foto: Istock
Este documento, intitulado 'Por dentro dos tratamentos noturnos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.