0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Puffer jackets: os casacos ultrafofos saem das passarelas para as ruas

Esqueça as bombers! As jaquetas com efeito matelassado são as eleitas da vez

A puffer jacket da Balenciaga, inverno 2017.


Em março de 2016, o belga Demma Gvasalia fazia sua aguardada estreia no comando da Balenciaga, substituindo Alexander Wang. Na passarela, chamaram a atenção as maxi puffer jackets, usadas abertas caindo levemente sobre os ombros. No dia seguinte, ainda sob o choque dos imensos doudounes, os fashionistas e editoras de moda se dirigiram à Opéra Garnier, em Paris, para o desfile de Stella McCartney e, surpresa: as jaquetas de matelassê coloridas em diferentes versões (veludo, esportivas, longas, curtas, sem mangas, cropped) deram o tom da coleção.

Corte para alguns meses depois, durante a temporada seguinte de prêt-à-porter para a constatação: nas ruas de Nova York, Londres, Milão e Paris, mesmo sob um outono pouco rigoroso, as fashion victims não resistiram e colocaram seus doudounes nas ruas em versões exageradas e coloridas, como pedem as passarelas, decretando o fim do reino das bombers.
 

As jaquetas esportivas em formato maxi nas ruas.


Mas foi só neste início de 2017, com as temperaturas baixando no hemisfério Norte que veio a consagração. Depois das irmãs Gigi e Bella Hadid apostarem em versões metalizadas prata da Tommy Hilfiger, foi a vez de Kendall Jenner sair com sua puffer jacket dourada da Ports 1961 pelas ruas de Nova York, fazendo coro à tendência - e também à onda dos metalizados.

Um dia depois, Kendall voltou a ser fotografada em Nova York, desta vez com o modelo que virou manchete da Balenciaga, vermelho e bem amplo, combinado com jeans reto e creppers com plataforma Jeffrey Campbell. 
 

Kendall Jenner, adepta da tendência, mostra como usar.


Adapte a tendência

É verdade que as brasileiras têm um pouco mais de dificuldade em sair de casa com uma peça pensada para temperaturas rigorosas. Por isso, ao menos que você esteja acostumada a passar algumas temporadas no frio e que o investimento valha a pena, pense em versões menos grossas. Mas lembre-se de manter a ideia da proporção oversized para que a peça ganhe um toque contemporâneo - senão, a mensagem pode ser contrária.

Na hora de combinar, jeans e um tênis branco, ou então uma calça skinny preta de cintura alta, top curtinho e lenço amarrado no pescoço, como Kendall, para garantir uma produção mais feminina, mas totalmente cool.

Copyright fotos: Imaxtree e Reprodução/Instagram

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Puffer jackets: os casacos ultrafofos saem das passarelas para as ruas', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo