0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Jennifer Garner e Ben Affleck interrompem o divórcio

Segundo a revista US Weekly, a situação entre o casal mudou e os dois não querem seguir adiante com o processo de separação

Ben Affleck e Jennifer Garner resolveram não concluir o processo de divórcio.


Mais de um ano depois de anunciarem o divórcio, Jennifer Garner e Ben Affleck parecem ter mudado de ideia. Fontes revelaram à revista US Weekly que os dois suspenderam o processo de separação. 

Pessoas próximas ao casal disseram à publicação que os dois continuam apaixonados, mas que o foco de ambos continua nas crianças. Mesmo não morando sob o mesmo teto, eles sempre estiveram muito próximos por causa dos filhos Violet, de 10 anos, Seraphina, de 7, e Samuel, hoje com 4 anos.

Em março deste ano, a atriz desmentiu boatos sobre a babá que foi apontada como pivô da separação. Em entrevista à Vanity Fair, Jennifer afirmou que realmente amava o então ex-marido: "Ele é o amor da minha vida. O que vou fazer sobre isso?", disse.

A mesma fonte contou à US Weekly que, por Ben Affleck, os dois já teriam voltado de vez. "Ele aceitou que não consegue viver sem ela. A verdade é que os dois nunca correram com o processo de divórcio. Eles sempre souberam que iriam voltar", declarou. Até o momento, nenhum dos dois se pronunciou sobre o assunto.

Copyright foto: Evan Agostini/AP/SIPA

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Jennifer Garner e Ben Affleck interrompem o divórcio', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo