2
Obrigado

Respirar corretamente ajuda a emagrecer

Segundo especialista, técnicas de respiração auxiliam na redução da liberação de hormônios que levam ao ganho de peso

Descubra a importância da respiração para um emagrecimento mais eficaz.


Joseph H. Pilates, inventor da prática que leva o seu sobrenome, dizia que “respirar é o primeiro e último ato da vida” e defendia os benfeitos deste ato simples e vital. Não por acaso, respirar corretamente é um assunto que tem sido tratado cada dia mais com seriedade e especialistas confirmam seus benefícios. Um deles é o emagrecimento.

Segundo Deise Maria Leite da Silva, fisioterapeuta da Eco Life Pilates, estudos apontam que existe relação direta entre o ganho de peso e o estresse. Para controlar este ciclo “estresse, dieta e ganho de peso”, técnicas de respiração auxiliam de maneira eficaz na redução na liberação de hormônios que levam ao ganho de peso.

Porém, engana-se quem acredita que é possível emagrecer apenas com técnicas de respiração. "Para que se tenha uma redução efetiva na perda de peso, além de técnicas corretas de respiração, é necessário a pratica de atividade física, além de hábitos alimentares saudáveis", ensina a especialista.

Outros benefícios

Perder peso não é o único benefício de quem se dedica a respirar corretamente. De acordo com a fisioterapeuta, a respiração além de levar oxigênio para as células, o que é vital para o organismo, promove a saída de gás carbônico, eliminando, dessa maneira, as toxinas presentes no corpo.

Algumas pesquisas já indicam que uma respiração correta auxilia, inclusive, no tratamento de algumas doenças, como a pressão alta, a insônia, obesidade, distúrbios de ansiedade, depressão e até mesmo em casos de dor crônica.

O ato de inspirar também energiza o organismo e a expiração promove relaxamento. “Se o processo é feito de maneira consciente, traz muitos benefícios para o corpo e a mente. Por outro lado, se a respiração for continuamente curta e acelerada, todas as células do corpo sofrem”, explica Deise.

Respirar na prática

Algumas práticas colaboram para uma respiração mais consciente. Uma delas é o pilates, sugere a fisioterapeuta. A atividade é muito eficaz no controle da respiração correta, uma das ações mais enfatizadas dentro do método. “O método de respiração do pilates permite ativar corretamente os músculos abdominais, conseguindo assim estabilizar a região lombar durante a execução dos exercícios, além de promover relaxamento”, explica.

Na prática, a inspiração é realizada pelo nariz e a expiração pela boca, assim as costelas se expandem, ao mesmo tempo em que a coluna vertebral é alongada, preenchendo os pulmões de oxigênio. “Durante a inspiração é muito importante manter os músculos abdominais contraídos, assim consegue-se o maior recrutamento de fibras musculares”, alerta Deise.

Além do pilates, a fisioterapeuta conta que existem outras técnicas que podem ser executadas como coadjuvantes no emagrecimento, tais como a respiração do ioga, técnicas de meditação e também a técnica da respiração longa, na qual se faz uma inspiração de três segundos e depois expirar poderosamente por 7 segundos (os seguidores desta técnica precisam de dois minutos por dia para sentir a diferença).

Copyright foto: iStock