1
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Colposcopia: exame detalha alterações no colo do útero

Indolor, a colposcopia é indicada quando o papanicolau apresenta alguma alteração ou quando é necessário realizar biópsia no local

Os cuidados antes do exame são importantes e, se não respeitados, podem alterar seu resultado.


Um dos exames ginecológicos mais importantes é a colposcopiaEle previne doenças como câncer de colo de útero e o HPV. O exame é realizado com a ajuda de um aparelho chamado colposcópio, munido de lentes que aumentam a imagem e visualizam colo de útero e vagina. 

Embora incômodo, o exame é essencial. Além de contar com a ajuda do colposcópio, durante sua realização o ginecologista utiliza 2 líquidos que sofrem uma reação química no colo do útero e vagina para detectar feridas ou infecção viral.

Segundo a Dra. Juliana Amato, ginecologista da Amato Instituto de Medicina Avançada, a colposcopia deve ser realizada sempre que o ginecologista visualizar uma alteração ou lesão no colo uterino ou quando o resultado do papanicolau apresentar alguma alteração.
 
A colposcopia serve para inspecionar a área e localizar as supostas lesões. Se necessário, uma biópsia é realizada durante o exame. Depois, este material é encaminhado a um laboratório que analisará e dará um diagnóstico da lesão encontrada.

Preparação

A colposcopia deve ser feita fora do período menstrual, pois o sangramento atrapalha a visualização do colo do útero. Não existem contraindicações, porém, explica a médica, durante sua realização pode haver sangramento do colo e reação alérgica ao iodo em pacientes sensíveis a esta solução. “Por isso, é importante que, no ato da realização do exame, o paciente avise ao médico sobre reações alérgicas anteriores.”
 
Além disso, não é permitido ter relações sexuais antes do exame . “É aconselhável manter uma abstinência de 3 dias pelo menos. Depois do exame, a paciente deve esperar um dia para manter relações sexuais”, explica Juliana.

Também não é indicado que a paciente use absorvente interno ou remédios vaginais pelo menos 48 horas antes do exame, nem fazer duchas vaginais no mesmo período. Os cuidados são importantes e, se não respeitados, podem alterar o resultado do exame.

Por fim, a especialista garante que o a colposcopia é indolor e a paciente pode, inclusive, retirar o resultado na hora (se não houver necessidade de biópsia).

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Colposcopia: exame detalha alterações no colo do útero', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo