1
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Pesquisa confirma que homens sofrem mais com traição do que mulheres

Levantamento foi feito pelo site de encontros Par Perfeito mostra que traição é a maior frustração dos homens em um relacionamento. Confira as diferenças entre eles e elas reveladas pela pesquisa

Homens sofrem mais coma traição do que mulheres , revela pesquisa.


Uma pesquisa realizada pelo ParPerfeito (www.parperfeito.com.br), maior site de relacionamento do Brasil, com 2 mil pessoas, mostra que para 59% dos homens ser traído é o que faz com que se sintam mais desvalorizados por uma mulher. Já para elas, um homem não querer assumir um relacionamento sério é tão grave quanto serem traídas. 

Já segundo 33% das mulheres participantes da pesquisa, não passar do primeiro encontro é o que mais lhes faz sentir desvalorizadas. Somente 27% das mulheres ouvidas acham a traição pior.

O fato de as mulheres serem um pouco mais tolerantes à traição pode ter raízes no machismo e na desigualdade de gêneros, ainda muito arraigados na sociedade brasileira. Mas apesar de as mulheres aparentemente parecerem dar menos importância à deslealdade, a pesquisa mostra um equilíbrio entre ambos os sexos em relação à disposição de perdoar uma traição. 

Homens sofrem mais com traição

De acordo com enquete feita pelo Par Perfeito, após uma traição, 28% sentem raiva da mulher que traiu, desqualificam-a e vão procurar logo uma outra. Já para 27% do grupo masculino ouvido na pesquisa, esse é um momento de tristeza e de dar um tempo sozinho para curar o coração partido. 

Do total, 24% gastam tempo pensando em se vingar da mulher que o traiu e 13% indicam que vão precisar afogar as mágoas em um bar. No caso das mulheres 63% do total dividem-se entre esnobar o ex e provocar ciúme, arrumando logo um novo namorado.

Elas ainda investem em fazer os homens sofrerem: 20% afirmam que farão de tudo para fazer quem traiu se arrepender.  Na prática, esse investimento é feito através daquela repaginada no visual ou no desenvolvimento profissional que as torna mais interessantes. 

No universo feminino ouvido na pesquisa, apenas 17% das mulheres realmente vão perder tempo sofrendo em busca de procurar entender o que houve.

“Traição é sempre o maior receio dos homens em um relacionamento e ao descobrirem que foram traídos tendem a sair por aí para a farra e depois de certo tempo, quando caem na real, passam a se lamentar pelo que aconteceu", diz Clarissa Assumpção, diretora de marketing do Match Group LatAm, empresa detentora da marca ParPerfeito

“Já elas vivem o processo inverso: primeiro choram e se lamentam pelo que aconteceu, mas depois querem mesmo é dar a volta por cima e, principalmente, mostrar para o outro que já superou", completa Clarissa.

A diferença entre homens e mulheres

Confira abaixo os resultados da pesquisa realizada pelo ParPerfeito sobre o que eles e elas mais valorizam em um relacionamento: 

Resultado entre os homens

O que você mais valoriza em uma mulher?
Honestidade 38%
Fidelidade 31%
Inteligência 24%
Beleza 6%
Riqueza 1%

O que faz com que você se sinta mais desvalorizado por uma mulher?
Ser traído 59%
Falta de atenção 17%
Ser tratado com grosseria 15%
Ela não querer assumir um relacionamento serio 6%
Não ser apresentado para os amigos e família dela 3%

Resultado entre mulheres

O que você mais valoriza em um homem?
Honestidade 67%
Fidelidade 24%
Inteligência 9%

O que faz com que você se sinta mais desvalorizada por um homem?
Ele não querer assumir um relacionamento sério 33%
Ser traído 27%
Ser tratado com grosseria 24%
Falta de atenção 10%
Não ser apresentado para os amigos e família dela 6%

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Pesquisa confirma que homens sofrem mais com traição do que mulheres', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do josito