0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Gloria Pires

Nome completo: Gloria Maria Cláudia Pires de Morais

Data de nascimento: 23/08/1963

Cidade: Rio de Janeiro (capital)

País: Brasil

Signo astrológico: Virgem

Amigos: Adriana Esteves, Regina Duarte, Regina Casé, Louise Cardoso, Tony Ramos, Arlete Salles, Laura Cardoso, José Wilker





Com papéis inesquecíveis em novelas como Dancin Days, Vale Tudo, Mulheres de Areia e Anjo Mau, Gloria Pires é considerada uma das maiores estrelas da televisão brasileira. Atriz consolidada também no cinema, a carioca é mãe de quatro filhos e mantém um relacionamento com o cantor Orlando Morais desde 1988.

Criada na televisão

Nascida em 23 de agosto de 1963, na cidade do Rio de Janeiro, Gloria Maria Cláudia Pires de Moraes, ou simplesmente Gloria Pires, é filha da produtora e empresária Elsa Marques Pires e do ator Antônio Carlos Pires. Aos 5 anos de idade, fez sua estreia na televisão com uma participação na novela A Pequena Órfã (1968), da extinta TV Excelsior. Em seguida, conseguiu seu primeiro trabalho na TV Globo, com o papel de Fátima, na novela Selva de Pedra, em 1972.

Talentosa, a jovem atriz foi se destacando rapidamente no meio artístico e logo conquistou papéis importantes, como o de Marisa, em Dancin' Days (1978), e Zuca, a protagonista de Cabocla (1979). Emendando trabalhos de destaque, Gloria Pires atuou depois em Água Vida (1980), Três Marias (1980), Louco Amor (1983), Partido Alto (1984), O Tempo e o Vento (1985), Direito de Amar (1987) e Vale Tudo (1988), em que interpretou Maria de Fátima Acioly, sua primeira vilã.

Cada vez mais famosa, a carioca se consagrou na década de 90 com personagens memoráveis na TV, como: Sarita, de Mico Preto (1990); Stella, de O Dono do Mundo (1991); as gêmeas Ruth e Raquel, de Mulheres de Areia (1993); Maria Moura, de Memorial de Maria Moura (1994); Rafaela/Marieta Berdinazzi, de O Rei do Gado (1996); Nice, de Anjo Mau (1997); e Maria Inês/Lavínia, de Suave Veneno (1999). 

Estrela definitiva

Em paralelo, a atriz também fez boas passagens pelo cinema, tendo estreado em 1981, com o filme Índia, a Filha do Sol. Nos anos seguintes, participou também de Memórias do Cárcere (1984), Bésame Mucho (1987), Jorge, um Brasileiro (1988), O Quatrilho (1995), O Guarani (1996), Pequeno Dicionário Amoroso (1997) e A Partilha (2001). Após uma pausa de cinco anos, Gloria Pires voltou às telonas com a elogiada comédia Se Eu Fosse Você (2006), ao lado de Tony Ramos.

Com a carreira consolidada, fez ainda outros nove filmes nacionais, entre eles O Primo Basílio (2007), Lula, o Filho do Brasil (2010), Flores Raras (2013) e Nise: O Coração da Loucura (2015). Além disso, encarou mais uma série de protagonistas na televisão, em novelas como Desejos de Mulher (2002), Belíssima (2005), Paraíso Tropical (2007), Insensato Coração (2011), Guerra dos Sexos (2012) e Babilônia (2015).

Na vida pessoal, Gloria Pires foi casada por quatro anos com o ator e cantor Fábio Jr., com quem teve sua primeira filha, a também atriz Cleo Pires. Em 1988, oficializou seu segundo casamento, com o cantor Orlando Morais, seu parceiro até hoje e pai de seus outros três filhos: Antônia (1992), Ana (2000) e Bento (2004).

Copyright foto: Eduardo Martins / AgNews

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Gloria Pires', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo