0
Obrigado

Aprenda a importância de dizer não aos filhos

Na visão de especialistas, saber dizer não às crianças as prepara para lidar melhor no futuro com frustrações inerentes à existência

Dizer não aos filhos é a base para dar limites.


Na educação infantil, uma das maiores dificuldades dos pais é dizer não aos seus filhos. Hoje em dia os pequenos ocupam um lugar muito importante na família, o que não acontecia antigamente. Se no passado as crianças não recebiam muita atenção dos adultos e eram restritas a cumprirem regras e brincar entre elas, hoje muitas viraram o centro das famílias.
 
“Entendemos, hoje, nossos filhos como pessoas em processo de formação. E muitos pais entendem o ato de dizer não como algo danoso, negativo, contrário à formação da criança. Quando, na verdade, é uma ferramenta para impor limites naturais, que a criança deve conhecer e ter na família e no mundo”, explica o psicólogo André Luís Fabrício.
 
Quando finalmente conseguem dizer não às crianças, os pais não sabem lidar com a insatisfação imediata dos filhos. Mas uma frustração controlada não vai transformar o filho em uma criança infeliz. Vale a pena ficar com o coração um pouco apertado e ver o filho 'sofrer' naquele instante, a privar a criança de um dos aprendizados mais importantes da vida: nem sempre as coisas serão do jeito que ela quer.
 

Pais permissivos

Muitos pais, sentindo-se culpados pelos próprios limites na criação quando eram crianças, acabam sendo permissivos demais, tentando algo como uma ‘compensação’. Excesso de presentes, comidas pouco saudáveis e viagens caras são apenas alguns exemplos de distorções em relação ao não saber dizer não.
 
Sem falar na permissão de fazer atividades ou ter atitudes inadequadas, cujas consequências podem ser desde a delinquência até fazer bullying a outras crianças. Não faltam exemplos de situações nas quais fica evidente o quanto é difícil dizer não a quem se ama de forma tão incondicional. “Os pais têm medo de impor limites e perderem o afeto dos filhos”, explica o psicólogo André Fabrício.
 

Dizer não é dar limites

Segundo a psicanalista Helena Barreto, o ato de dizer não deveria ser encarado como algo ruim aos filhos. A solução é tentar entender o quanto saber dizer não deve ser interpretado como um ato de amor, e não ao contrário, como acontece muitas vezes.
 
"Dizer não está diretamente ligado a dar limites. E a criança que tem limites tem mais chances de torna-se um adulto capaz de enfrentar, com alto grau de tolerância, as frustrações ao longo da vida", orienta a psicóloga.
 
Na opinião de Helena, saber enfrentar as frustrações significa reverter as situações negativas em positivas. “A capacidade de lidar com as adversidades talvez seja o grande segredo das pessoas felizes. Por isso, saber dizer não na hora certa pode ser muito melhor do que só dizer sim”, ensina a psicóloga.
 
Copyright foto: iStock
Este documento, intitulado 'Aprenda a importância de dizer não aos filhos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.