0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Listas de casamento originais

Com lista de presentes inovadora, os casais podem aproveitar melhor a volta da lua de mel, sem precisar trocar presentes repetidos após a festa

Listas de casamento devem ser adequadas à realidade do casal.


A clássica troca das panelas de fondue repetidas, após a volta da lua de mel, parece ter chegado ao fim. As listas de presentes de casamento em loja de artigos para o lar e eletrodomésticos não são mais as únicas opções dos casais. Especialistas em organização de casamento garantem que o ideal é optar por uma lista de presentes mais adequada aos pombinhos.

Quem já tem a casa montada - pois morava sozinho antes de casar -, não precisa de muita coisa das lojas tradicionais. Buscar soluções mais criativas, como contas em agência de viagem pode ser a solução.
 
“Tem casal colocando lista de casamento em galeria de arte, outros em livrarias. E a cota para a viagem de lua de mel continua bombando”, conta Emanuelle Missura, consultora de casamento e responsável pelo site Casar é Fácil.
 
Porém, de acordo com Emanuelle, a grande maioria dos casais acaba por fazer as listas de presentes em lojas tradicionais. Ou por não conhecer as outras opções ou mesmo por supor que não seja adequado escolher uma lista mais inovadora (que peça dinheiro, por exemplo). Mas o importante é que os presentes sejam úteis para o casal.

Há ainda quem já vive junto antes de oficializar a união. Para estes casais, nem sempre a lua-de-mel poderá ser uma realidade. Seja por causa dos filhos, ou mesmo porque já fizeram inúmeras viagens juntos. Uma boa ideia pode ser uma lista de presentes virtual, que depois será convertida em depósito em dinheiro na conta bancária do casal.
 

Presente em dinheiro

Estas plataformas funcionam de forma bem semelhantes à  de um site de compras normal. Os  convidados acessam através de um endereço de internet personalizado e escolhem entre os presentes sugeridos pelos noivos. Os pagamentos podem ser feitos através de cartão de crédito, depósito ou transferência bancária.
 
Também é possível deixar mensagens, compartilhar fotos e até gravar vídeos. O interessante destas plataformas é que acabam sendo menos frias que as simples doações diretas em dinheiro. Os convidados sabem que estão doando uma quantia, mas fazem escolhas como se estivessem decidindo para qual fim será usado o dinheiro.
 
“O convidado pode escolher como presente uma contribuições para a casa nova, uma cota para a  lua de mel, um jantar romântico, um fim de semana em um spa ou um passeio de balão. Mas o casal vai receber o valor em dinheiro em sua conta”, explica Thamara Lana, responsável pelo atendimento a clientes do site Zankyou, especializado em elaborar listas de presentes virtuais.
 
Este tipo de site inclusive pode agregar sistemas de pagamentos internacionais, o que facilita  vida de casais formados por pessoas de nacionalidades diferente. E no fim, o casal usa o dinheiro da maneira que lhe for mais conveniente.

Facilidade

Mesmo as lojas tradicionais de decoração, eletrodomésticos e artigos para o lar têm se adaptado aos novos tempos. Em estabelecimentos como Ponto Frio e Tok & Stok os noivos já podem optar por não receberem os presentes escolhidos em casa antes do casamento.
 
Quando voltam da lua de mel, os recém-casados vão até a loja, veem tudo que ganharam, trocam uma coisa ou outra e, aí sim, decidem o que querem levar ou pedir para ser entregue.

Já para os noivos que têm tudo, inclusive dinheiro, uma conta em alguma organização beneficente têm sido outra ideia bastante adotada.  Entre os casais mais refinados, as galerias de arte são outras boas opções que já começam a receber listas de casamento.
 
Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Listas de casamento originais', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://www.arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo