2
Obrigado

Cuide dos seus pés

Muito requisitados, nossos pés merecem atenção. Veja aqui as dicas dos podólogos

Use um sabonete hidratante e um creme adaptado para manter seus pés sempre bonitos.


Você faz, em média, 6 mil passos por dia. Seus pés não devem ser negligenciados. Ao contrário, eles merecem cuidados diários e adequados. Uma pessoa em cada cinco sofre de problemas nos pés e, todavia, bem poucas se consultam com especialistas, preferindo a automedicação. Para tratá-los, é preciso passar pelo especialista certo. Assim, é preciso fazer diferença entre um podólogo e um centro de beleza. O podólogo é o especialista no sentido real do termo enquanto uma esteticista cuidará essencialmente da beleza dos seus pés em um centro.

Cuidados diários

Para ter pés bonitos, corte as unhas regularmente com um par de tesouras. Não use cortador de unhas que provoca unha encravada. Lixe-as com uma lixa em papelão tomando o cuidado de arredondar os cantos. 

Para lavá-los, escolha um sabonete hidratante, pois os pés não têm muitas glândulas sebáceas, e por isso eles podem ser bem ressecados. Cuide de secá-los muito bem, em especial entre os dedos, um lugar muito propício para o surgimento de infecções (cândidas, micoses...).

Com relação à hidratação, saiba que existem cremes adaptados a diferentes tipos de pés. Se você tem problemas de circulação, de ressecamento cutâneo ou de aquecimento, você encontrará no mercado, na certa, um produto que se adapta ao seu caso. Massagear regularmente os pés com um creme hidratante estimula o retorno venoso e dá tônus à pele.

O par de sapatos certo

Evite os sapatos que não se adaptam aos seus pés. Experimente-os sempre no final do dia, quando seus pés estão mais inchados, para não enfrentar problemas depois de um longo dia de trabalho ou de uma corrida às compras! É preciso que haja um espaço equivalente a um dedo entre os dedos e o sapato. 

Observe se não existem costuras em relevo para evitar fricções desagradáveis que podem, com o tempo, provocar bolhas dolorosas. É desaconselhado andar muito tempo sem um saltinho. O ideal é escolher saltos bastante largos, de uns 5 centímetros no máximo.
Para as meias, escolha a menos sintética possível. Prefira as fibras naturais.

Acabe com as calosidades

Se você tem esse problema, não espere mais para consultar um profissional, pois elas podem ser muito dolorosas se forem profundas. Marque uma consulta com um dermatologista ou um podólogo para que ele prescreva o tratamento indicado.

A automedicação é desaconselhada pois ela não resolve o problema na maioria dos casos. Se você constatar a formação de um calo espesso, saiba que esta é a prova que a pele está se defendendo. Andar muito tempo usando sapatos inapropriados intensifica a fricção. A pele desenvolve um mecanismo de defesa que consiste em criar uma camada espessa para se proteger. Se o calo é fino, use uma lixa para ralá-lo. Mas se ele for muito grande, cuidado: utilize este instrumento com moderação, pois ele só vai fazer a calosidade crescer mais ainda.

Receitas caseiras

Esfoliante: misture óleo de oliva e sal grosso. Massageie os pés durante 3 a 5 minutos. Enxague. Seus pés vão ficar suaves e livres das peles mortas.

Creme hidratante: amasse um abacate maduro. Aplique sobre os pés. Eles vão ficar hidratados e a pele, tonificada. 

Remédio anti-transpirante: faça uma infusão com 2 ou 3 sachês de chá verde em 3 litros de água morna. Utilize a infusão como escalda-pé durante 15 a 30 minutos. O chá, rico em tanino, vai regular a transpiração.

Copyright foto: iStock
Este documento, intitulado 'Cuide dos seus pés', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A revista da mulher (www.arevistadamulher.com.br) ao utilizar este artigo.